Ir para o conteúdo

Black Friday 2021: seu e-commerce está preparado?

4 min. de leitura

Avatar de CWI.Digital House

CWI.Digital House Autor


Banner de fundo preto, com chamada "Black Friday 2021" em caracteres brancos e o texto "Confira as dicas" em uma caixa de texto esverdeada. Há também dois carrinhos de supermercado ilustrando e o logotipo da CWI.

A Black Friday de 2021 será realizada no dia 26 de novembro e a CWI está mais do que familiarizada com o que é necessário para que essa data seja uma experiência positiva tanto para lojistas quanto para consumidores. Afinal, são 30 anos no mercado da Tecnologia da Informação e várias parcerias no desenvolvimento de grandes e-commerces.

Confira a seguir 13 dicas práticas que contribuirão para o sucesso da sua Black Friday! 🙂

Navegue pelo conteúdo com os links abaixo

🔝 Planejamento: olhe o antes para preparar o futuro

🔝 Comunicação: fale já sobre a Black Friday com a sua equipe e com clientes

🔝 Testes: antecipe cenários para mapear melhorias


Planejamento: olhe o antes para preparar o futuro

O início da preparação para um evento como este passa por olhar para experiências anteriores. O que funcionou? O que tinha potencial para ser mais rápido, mais simples? Dessa forma, o planejamento da promoção será baseado em uma realidade concreta da sua própria loja e dos seus clientes.

Use o histórico a seu favor

Analise as métricas das edições anteriores e olhe para os logs de outros dias de venda acima do normal. Invista nesse trabalho de analytics, para identificar quais são os serviços mais exigidos no seu e-commerce.

Um dos benefícios é poder testá-los proporcionalmente. Não é preciso estressar todas as APIs da mesma forma se nem todas serão acessadas igualmente, não é mesmo?

Outra vantagem é que essa análise prévia evita perda de recursos de hardware. Calcular a demanda incorretamente pode gerar custos desnecessários.

Olhe para indicadores técnicos e também para os indicadores de negócio

Estar em dia com tópicos como requests por segundo, tempo de espera de processamento, tempo de resposta e percentual de erros conforme o volume de acessos aumenta é importantíssimo. Mas não esqueça dos objetivos de negócio e de traduzi-los para os indicadores correspondentes.

Antecipe a maneira como as pessoas chegarão ao seu e-commerce

Sua equipe comercial fará vendas pelo WhatsApp que encaminharão direto para o checkout do seu e-commerce, por exemplo? Verifique se a sua plataforma está preparada para receber um grande número de situações como esta em um único dia.

Os possíveis gargalos já estão mapeados?

Dificuldade de processamento de páginas, filas e ações no sistema geram lentidão. Mapear e realizar pequenas mudanças de arquitetura e código podem proporcionar um aumento de vazão e performance.


Comunicação: fale já sobre a Black Friday com a sua equipe e com clientes

Datas com potencial de acessos atípico demandam um engajamento ainda mais forte da equipe que faz a loja funcionar. Por isso, é importante que todos tenham visibilidade dos objetivos e das ações planejadas para o dia 26 de novembro. Também é válido avisar clientes (recorrentes ou potenciais) sobre o que esperar da sua promoção.

Alinhe todos os setores

Uma Black Friday bem-sucedida depende do trabalho em conjunto dos times de desenvolvimento, infraestrutura, logística, comercial, marketing… Coloque todos na mesma página e compartilhe os objetivos para esta data!

Já compartilhou a expectativa de acessos com a sua equipe?

Quão maior é essa expectativa em relação aos visitantes de 2020? O que isso significa no seu funil de conversão? Compartilhe as respostas para estas perguntas com o seu time de TI — dependendo do crescimento esperado, talvez seja necessário mudar a sua estratégia em relação à divisão de trabalho, por exemplo.

Deixe o seu cliente informado desde já

Você já falou sobre a sua Black Friday 2021 nas mídias sociais? Há uma página no seu e-commerce que informe os clientes sobre o período em que vai ocorrer e o que podem esperar? #ficaadica


Testes: antecipe cenários para mapear melhorias

Tendo a expectativa de volume de acessos naquele período, é preciso preparar a sua plataforma para recebê-los. E isso é muito mais do que estressar a loja como um todo — a questão é saber onde focar as energias.

Faça testes de performance…

Quantas pessoas do seu time de TI estarão olhando para os testes da sua plataforma, certificando-se de que tudo funcionará como deve durante esse período especial? É possível que seja necessário dividir o conhecimento sobre esses testes com mais membros da equipe para preparar o seu e-commerce para esta época.

…mas nem tudo na vida é teste de performance!

Verificar o fluxo completo pelo qual o seu usuário passa com o teste funcional end-to-end também é muito importante na preparação para a Black Friday. Dessa forma, será possível identificar se a jornada do usuário está aumentando ou diminuindo de tempo, por exemplo. 

Todo cuidado é pouco (não apenas nessa época, aliás)

Você tem certeza de que a segurança da sua plataforma está em dia? Pensando em uma situação de grande quantidade de dados sendo recebida ao mesmo tempo, o desafio de  race condition e outras questões de concorrência podem ser um problema, por exemplo — o seu sistema tem validações para garantir que um usuário consiga adicionar apenas um cupom de desconto?

Amplie a frequência de testes conforme a data for se aproximando

Uma orientação que pode ser útil é ter em mente qual a sua linha de produtos mais vendida em uma Black Friday e fazer testes com base nela, cada vez mais frequentemente.

Atenção para paredes de acessos

Está pensando em enviar notificações push com ofertas desta data? Cuidado com a possibilidade de um grande volume de acessos, praticamente ao mesmo tempo, em uma única URL. Spoiler: auto scaling nem sempre resolve! 😉

Não esqueça de testar os serviços necessários após o fechamento da compra

O fluxo que ocorre quando um pagamento não é aprovado vai continuar funcionando bem com o aumento de demanda? A performance das notificações após a conclusão do checkout vai aguentar o volume de clientes? Prepare-se para questões como essas.


São várias as esferas que exigem atenção extra durante a preparação para datas comerciais de volume de vendas acentuado. Os e-commerces que nos escolhem como fornecedores de software contratam verdadeiros parceiros, que podem atuar em todas essas áreas.

Nós entregamos soluções sob medida para cada cliente, agregando valor e transformando negócios. Veja como funciona o desenvolvimento de sistemas, sites e aplicativos na CWI!


Gostou?